Policiais Militares que atuam em Caculé também aderiram à greve

Seguindo as orientações da Associação que responde pelos Policias Militares lotados no 17ºDPM em Guanambi, os Policias da 3ª Cia. do 1º Pelotão em Caculé também aderiram ao movimento de greve desencadeado na capital há cerca de seis dias e que se espalhou por todo o estado.

Segundo informações, os 12 (doze) PMs efetivos lotados no 1º Pelotão em Caculé estão apenas cumprindo escala em plantões onde dois PMs cumprem carga horária de 12 horas. Devido à greve os policias não estão nas ruas e os plantões estão sendo cumpridos no Pelotão. “Só atendemos chamadas de extrema necessidade como o caso de homicídios ou algum fato que coloque realmente a vida do cidadão em risco.” Enfatizou um dos PMs.

Com essa medida, alguns comerciantes optaram por não abrir os seus comércios e alguns que abriram estão reforçando a segurança. Empresas como os Correios e o Banco do Brasil da cidade também não estão realizando atendimento ao público e fecharam por medida de segurança.

Acompanhe as notícias sobre a greve da PM na bahia: http://www.bizudepraca.com/

Fonte: Informe Cidade






AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Deixe um comentário

Adicione seu comentário abaixo . Você também pode assinar estes comentários via RSS.

Seu email não será divulgado. Os campos que estão * são obrigatórios.