Gerente do Banco do Brasil de Caetité está em casa e passa bem

Está em casa o gerente do Banco do Brasil de Caetité, Geovanni Carvalho, que foi sequestrado e passou quase 15 horas nas mãos dos bandidos.

Ele foi levado de casa até a agência onde trabalha para retirar o dinheiro e entregar aos bandidos. O gerente só foi encontrado ontem (27), no fim da manhã com explosivos amarrados ao corpo. A quantia roubada não foi revelada.

Hoje a Polícia Militar divulgou as fotos dos explosivos que estavam amarrados ao corpo de Geovanni. Eram duas bananas de dinamite ligadas por um fio a um celular. Uma equipe da Companhia de Operações Especiais da Polícia Militar saiu de Salvador de avião para desarmar o explosivo, o que só foi feito às 17h30.

Fonte: Blog da Resenha Geral






AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Deixe um comentário

Adicione seu comentário abaixo . Você também pode assinar estes comentários via RSS.

Seu email não será divulgado. Os campos que estão * são obrigatórios.