Piso salarial dos professores terá reajuste de 7,97% em 2013

O valor piso salarial nacional do magistério da educação básica terá reajuste de 7,97% em 2013. A informação foi divulgada hoje (10) pelo Ministério da Educação. Com o aumento, o valor passa de R$ 1.451 para R$ 1.567 e já será pago, por estados e municípios em fevereiro. A composição do piso leva em conta o custo anual por estudante dos últimos dois anos, calculado pelo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). O reajuste do piso em 2013 não segue a tendência de aumento dos últimos dois anos, quando foi registrado 22%, em 2012, e 18%, em 2011. Segundo o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, o reajuste menor é por causa da desaceleração da economia e da queda na arrecadação de receitas. O Fundeb é um fundo contábil e composto por uma cesta de impostos e transferências estaduais e municipais, e sua vigência se estende até 2020. Por lei, pelo menos 60% dos recursos do Fundeb devem ser usados para pagamento do salário dos professores e gestores educacionais. “Não tem o mesmo impacto que a correção do ano passado, mas é um reajuste acima da inflação. O problema é que nós partimos de um patamar muito baixo de salário, R$ 1.567, é pouco mais que dois salários mínimos”, disse o ministro. Fonte: Agência Brasil
AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

4 Comentários

  • 10 jan 2013 | Permalink |

    É LAMENTÁVEL. NÃO SEI QUANDO NOS VALORIZARÃO.

    “O comentário não representa a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem”

  • Silvandira Vieira
    14 ago 2013 | Permalink |

    É triste saber que ninguém se preocupa com o nosso salário

  • Luciana Lima
    8 set 2013 | Permalink |

    DE QUE ADIANTA TANTO INVESTIMENTO EM EDUCAÇÃO ,QUANDO NA REALIDADE SE ESQUECEM DE INVESTIR NA PEÇA CHAVE DESSE PROCESSO : O PROFESSOR.AS VEZES FICO INDIGNADA ,POIS NOS COBRAM TANTO APERFEIÇOAMENTO ,FORMAÇÃO CONTINUADA ,SEI QUE CONHECIMENTO NINGUÉM LHE TIRA ,PRINCIPALMENTE POLÍTICOS, PORÉM PRECISAMOS E MERECEMOS SER VALORIZADOS FINANCEIRAMENTE ,AFINAL DE CONTAS AS DISTRIBUIÇÕES DE RENDAS E SALÁRIOS SÃO MUITO DESIGUAIS EXEMPLO:COMPARE O SALÁRIO DE UM PROFESSOR COM OS DE TANTOS POLITICOS SEJA DA ESFERA MUNICIPAL ,ESTADUAL OU FEDERAL .
    PROFESSORES É HORA DE UNIRMOS NOSSAS FORÇAS E BUSCARMOS ESSA VALORIZAÇÃO ,OU ENTÃO DAQUI A ALGUM TEMPO SEREMOS VOLUNTÁRIOS DA EDUCAÇÃO.

  • Valdecarmen Brito
    30 set 2013 | Permalink |

    me revolta ainda mais ler uma matéria dessa…O ministro afirma que 1.567 é pouco.
    Pouco é o que recebemos aqui em Condeúba.
    pouco não, uma vergonha!

Deixe um comentário

Adicione seu comentário abaixo . Você também pode assinar estes comentários via RSS.

Seu email não será divulgado. Os campos que estão * são obrigatórios.