MEC autoriza Medicina na UFBA em Vitória da Conquista

O Ministério da Educação (MEC) vai autorizar a criação do curso de medicina destinando 80 vagas para o campus da Universidade Federal da Bahia no município de Vitória da Conquista. Além disso, disponibilizará mais 80 vagas para o setor privado. Esta decisão se deu em atenção à revindicação dos deputados Waldenor Pereira (federal) e Zé Raimundo Fontes (estadual) e foi comunicada a eles durante audiências, ontem e hoje (07 e 08), com os secretários nacionais do MEC, Henrique Paim (Executivo) e Jorge Messias (Regulação e Supervisão da Educação Superior), que contou a participação do vereador Fernando Vasconcelos, presidente Cârmara Municipal de Conquista.

Foto 2

Como o município havia ficado de fora do Programa de Expansão dos Cursos de Medicina que visa à superação dos desequilíbrios regionais, priorizando regiões com índices menores que 1,8 médico/ mil habitantes, os deputados Waldenor e Zé Raimundo, principais articuladores da criação do campus Anísio Teixeira, comemoram agora o atendimento da revindicação.

As 80 vagas de medicina no município para o setor privado serão disponibilizadas através de concorrência nacional, com exigências de critérios normatizados por portaria do MEC, a exemplo das condições necessárias às instalações físicas do curso e experiência profissional do corpo docente, entre outros pré-requisitos garantidores de qualidade do ensino oferecido.

Ze

Ao final das audiências no MEC, o deputado Waldenor demonstrou enorme contentamento pelo pleito contemplado e declarou-se ainda mais otimista sobre a perspectiva de realização de um sonho ainda maior: “O ministro Aloísio Mercadante nos prometeu fortalecer o campus da UFBA para criar as condições necessárias à implantação da Universidade Federal do Sudoeste e, após assumir o compromisso de liberação de R$ 6 milhões para construção dos centros desportivo e de convivência, honra a sua palavra autorizando agora a implantação do curso de Medicina no campus Anísio Teixeira”.

Zé Raimundo, cuja gestão como prefeito contribuiu efetivamente para a implantação do campus Anísio Teixeira/UFBA, disponibilizando terreno e apoio da infraestrutura municipal, também vislumbra um futuro ainda mais promissor para o município e região, a partir dessa nova conquista do seu mandato de deputado, junto com Waldenor Pereira: “A criação do curso de Medicina da UFBA significará mais um passo para a criação da Universidade Federal do Sudoeste. Do ponto de vista socioeconômico também repercutirá em grande avanço para Vitória da Conquista, que deve consolidar-se como polo educacional do interior do estado”, avaliou.

Fonte: ASCOM / Waldenor Pereira e Zé Raimundo






AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Deixe um comentário

Adicione seu comentário abaixo . Você também pode assinar estes comentários via RSS.

Seu email não será divulgado. Os campos que estão * são obrigatórios.