Um ano de Governo. E eu com isso?

eucomisso1ano_govcond

Por: Décio Pereira

“No essencial, unidade. No não essencial, liberdade. Em tudo, responsabilidade.” (Agostinho)

Aos 47 anos, resolvi subir em um palanque e dizer que a melhor opção para Condeúba era caminhar com Guto e o seu grupo. Tenho inequívoca consciência de que em nada alterou a vontade do povo o que eu disse, pois naquele momento político o povo já tinha decido por mudança e eu não tenho e nunca tive votos, nem nunca fui formador de opinião. Certo é que outras 6.896 pessoas pensaram como eu e decidiram por uma diferença estupenda de 2.739 votos, conduzir este novo grupo ao poder.

Um ano se passou com Condeúba sob o comando de Guto e seu grupo, e eu com isso? – NADA. Eu não sou prefeito, nem vereador, nem secretário, nem diretor… (AINDA)  –

T U D O – Eu quis muito essa mudança por ela lutei, sonhei, falei, roguei e junto com todos, cheguei. E como diz o ditado: “Tu te tornas responsável por aquilo que conquistas” – Assim, tenho responsabilidades. Quem me conhece sabe que desde o inicio do ano passado tenho exercido o meu dever de cobrar, cultivando a cobrança orientada – Acontece que algumas pessoas tem medo da mudança, eu tenho medo de que as mudança não ocorra. –

O ano de 2014 começa com uma perspectiva de mudanças, no mínimo no estilo de liderança, na caminhada proposta em palanque. Os erros foram identificados, 2013 serviu como laboratório e há de se convir que alguma coisa mudou. Acontece que a expectativa criada pela avalanche de votos, pelo sofrimento do povo foi tão grande, que as mudanças que aconteceram foram encobertas pelo sonho de dormir e acordar com tudo resolvido, em um passe de mágica.

Foram poucas as mudanças, SIM. Muito mais poderia ter sido feito e não vou aqui ficar apresentando desculpas para o indesculpável, nem tentando tapar o sol com uma peneira. Mas, destaco duas importantes colocações em áreas chamadas criticas, onde houve progresso: 1) Não podemos esquecer nosso passado próximo, para os desavisados recordo que faltavam médicos, ambulâncias e medicamentos na saúde. Eu, pessoalmente, presenciei um caminhão sendo carregado de medicamentos vencidos, para ser incinerado no dia 31/12/2012, às 21h no fundo do hospital, recolhi até uma caixa de remédios que por não ter encontrado onde descartar, guardo-a até hoje. IRRESPONSABILIDADE COM O DINHEIRO PUBLICO. Hoje, já não faltam médicos, ambulâncias e o meu amigo Cau de Dona Neneca dá um show de responsabilidade e competência gerenciando a farmácia. 2) Na educação, tivemos pela primeira vez na história de Condeúba, o pagamento de 14º e até 15º salários em dezembro. Há, só que o piso salarial determinado por lei que é bom ninguém pagou ainda, você pode retrucar. Beleza! Só não se esqueça de que a lei 11.738, foi promulgada em 16/07/2008. Você se lembra quem era o prefeito? – Hoje, dois vereadores de oposição cobram insistentemente na Câmara que essa lei seja cumprida, esquecendo de que quando foram governo por oito anos não fizeram valer a lei, por que agora em menos de ano já se cobra do atual governo? – Os professores SIM, tem o direito de reivindicar, muitos deles apostaram nas mudanças e são merecedores de salários cada vez mais dignos, quem não está pongando no direito alheio são os dois vereadores de oposição, que se esquecem do passado, alugam o presente e tratam o futuro com irresponsabilidade. Pois lá estiveram em mandatos anteriores e nada fizeram, agora querem posar de salvadores da pátria, como se o problema nunca tivesse existido.

Destaco também duas falhas imperdoáveis: 1) Perdemos pros cachorros no quesito lixo. Durante todo o ano não tivemos competência para encontrar uma forma de recolher o lixo, tornando a cidade mais limpa. A cachorrada nada de braçada e tem feito a festa às nossas custas; 2) Repetimos o erro dos gestores  anteriores na contratação de pessoas para o quadro de funcionários da Prefeitura, inchamos a folha salarial e os recursos ficaram escassos para aplicação em outras áreas.

Poderia destacar mais acertos e mais erros, pois ambos aconteceram, quis apenas relatar os citados acima para exemplificar que muita coisa aconteceu e, dizer que infelizmente ou até, felizmente, numa gestão esperançosa como a nossa, os erros são mais evidentes do que os acertos, por conta da expectativa da qual falei no começo e, é bom que seja assim, para que não nos acomodemos, contentando com o pouco, como que era realizado nas gestões anteriores e gritado aos quatro cantos como feitos incríveis, onde até troca de fechadura foi contada como obra. Para isso, basta que se olhe em nossa cidade e no município e veja o que foi feito nos últimos oito anos que antecederam ao atual governo. Pode ser que Guto não faça muito, mas não vai ser por falta de cobrança, de criticas e de orientação.

Evidente que a velocidade dos passos de cada área é também determinada pela qualidade e quantidade de recursos financeiros disponíveis. Mas, mesmo havendo pessoas e recursos disponíveis, são os lideres que acabam por determinar o ritmo e os rumos da caminhada. O Prefeito não vai conseguir fazer tudo sozinho, embora vá responder sozinho por quase tudo que não for feito. As secretarias são os aceleradores do governo. A forma, a disposição, a disponibilidade, o estilo, a competência de cada secretario ou diretor, determinam o resultado de cada área. Um ponto no corpo do primeiro escalão do governo que não podemos esquecer é o de que existiram muitos erros, mas o mais abominável de todos os erros de uma gestão publica não aconteceu no Governo Guto: NÃO HOUVE UMA ÚNICA DENUNCIA DE DESVIO DE DINHEIRO OU DE APROPRIAÇÃO INDÉBITA DO ERÁRIO PUBLICO. NENHUM MEMBRO DO GOVERNO FOI ACUSADO DE ENRIQUECIMENTO ILICITO. Diante dos políticos que Condeúba já teve e das condições financeiras com que eles entraram e de como saíram, é algo para se comemorar e muito. Retidão pregada e cumprida até o momento.

2014 chegou e mais uma oportunidade de construirmos uma nova Condeúba está sendo propiciada aos nossos governantes. Não podemos e não vamos perder a esperança.

Nós, parte indireta do governo, não cessaremos as criticas construtivas; a cobrança orientada e as orações para que Deus ilumine as decisões do nosso líder; precisamos avançar nas mudanças, RETROCEDER JAMAIS!

Ao povo, cabe a cobrança mais contundente do que foi prometido; as manifestações publicas organizadas e responsáveis, com o intuito de fazer com que o governo perca o medo e não se esqueça que foi eleito para produzir mudanças positivas;

À Oposição – Que cobre com responsabilidade. Que proponha o exeqüível e, que traga 10% do que o PT trouxe para o município de Condeúba quando foi oposição. Que não se esqueça de que oposição também faz, também tem responsabilidades e não esperem mais dois anos para aparecer. Mirem-se no exemplo de Guto, que guardadas as probabilidades, fez mais como oposição do que como situação, claro que na oposição foram vários anos e na situação é apenas o primeiro. Mas, que hoje é a realidade.

Ao Governo cabe trabalhar, produzir mudanças positivas, cumprir promessas e ser decente com o que for apalavrado.

E que todos, juntos, porque juntos somos melhores, continuemos vigilantes, sobretudo nas áreas mais necessitadas como a saúde, administração e a educação, em que urge a necessidade de mudanças significativas.

2013 se foi e não foi bom. Guardo a fé e a esperança de que uma nova Condeúba AINDA é possível. Ainda teremos três anos.

Que Deus nos abençoe!

“Posso não concordar com uma palavra de tudo o que dizes, mas defenderei até a morte o teu direito de dizê-la.” Voltaire






AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

22 Comentários

  • Ramon Sousa
    6 jan 2014 | Permalink |

    EU ACREDITO!!!

  • Sonia
    6 jan 2014 | Permalink |

    Q legal. Muito bom. ensina a esse povo a fazer politica, grupo fantástico, não é porq é do grupo q tudo é certo. tem coisa boa e ruim.
    Parabéns Décio, sou sua fã.
    Guto, eu acreito em vc.

  • Felipe Dias
    6 jan 2014 | Permalink |

    esbagaçou deção. Abraço Gutão meu patrão. todo mundo em condeúba é gente fina. é nóis.

  • Gimaldo Carvalho
    6 jan 2014 | Permalink |

    Eu sempre vou acreditar em Guto e Décio.Eles são verdadeiros e amam Condeúba!

  • Rafael
    6 jan 2014 | Permalink |

    UM DOS MELHORES TEXTOS Q JÁ LI POR AQUI NESSE SITE.
    AO LER ACHO Q ESPERANÇA NÃO MORREU. O SONHO TB AINDA NÃO.

  • reis
    6 jan 2014 | Permalink |

    amigo decio quero que voce apresenta o que pt feiz cuando era oposisao

  • lucas coruja
    6 jan 2014 | Permalink |

    Eu acredito e esse ano de 2014 condeuba vai arrazar é isso ae gutao

  • Negão de Vaizim
    7 jan 2014 | Permalink |

    Caro amigo Décio,
    Suas palavras mais uma vez trás a esperança de continuarmos mudando. Foi um ano difícil sim, foi um aprendizado. Acabou-se o treinamento agora em 2014 começará o jogo e com certeza esse grupo será vencedor.
    Abraço garoto!

  • MARIA JOSE DE JESUS
    7 jan 2014 | Permalink |

    EU ACHO QUE PARA COMEÇAR A ACERTAR AS COISAS POR AQUI, BASTAVA O NOSSO PREFEITO FAZER A CONVOCAÇÃO DO RESTANTE DO PESSOAL QUE FEZ O CONCURSO E ALCANÇOU AS VAGAS E OS QUE FORAM VOTADOS PELA CÂMARA E FOI APROVADA POR UNANIMIDADE POR TODOS OS VEREADORES DA ÉPOCA ATRAVÉS DE UMA IMENDA QUE FOI DIVULGADA ATÉ NA RADIO PELO NOSSO AMIGO CLÁUDIO NOVAIS, EM ALGUNS CARGOS E AINDA NÃO FORAM CHAMADOS, ACHO SE É LEI QUE SEJA PARA TODOS, POIS MUITOS FORAM BENEFICIADOS, MAS AINDA TEM GENTE PARA SER CHAMADA E É UM DIREITO DELES.

  • Jose Carlos
    7 jan 2014 | Permalink |

    Ótima visão sobre politica municipal. Acrescento aí o fato de q todos precisam descer dos palanques. Todos, oposição tb. Já estamos cansados de mentiras, enrolação, lero-lero. Mesmo q seja pouco, tem q trabalhar fazendo o q é possível. Planos megalomaníacos, com ações medíocres é o q vemos, muita mentira, o povo não é besta.
    TRABALHO COM SERIEDADE, É O Q QUEREMOS.
    MENTIRA, DESCULPAS É O QUE ABOMINAMOS.

  • Fiel à PALAVRA
    7 jan 2014 | Permalink |

    Pra 2014 ser diferente do ano que se passou, dou uma sugestão. Que tal mudarmos algumas peças no secretariado? Não irei citar nomes, mas alguns são questionáveis. Vi tbm muitos cargos de confiança, não precisa de tantos assim a se referir nos transportes. Outra, porque descontar dos contratados, uma vez que eles não estão inscritos no INSS? Tirem-me por favor esta dúvida. Ainda estamos esperando a pavimentação da ruas em nosso bairro (DES), pois quando chove eu me sinto em Veneza, claro tirando a beleza e imponência da cidade italiana, mas o meu portão para se atravessar é necessário uma canoa. Mas quem sabe neste ano de eleições regionais/nacionais muda-se alguma coisa, espero que não venham bater em minha porta prometendo algo, uma vez que estes venham aqui apenas neste periodo, prometendo tudo e não fazendo nada. Acredito em Guto, por isso é que votei nele, mas analisem tudo com carinho e vejam realmente onde erraram e onde acertaram para que de fato 2014 seja diferente de 2012 (ano difícil), pq em 2013 as mudanças foram mínimas, precisamos de mais e sabemos que a administração atual é capaz de fazer acontecer e mudar pra melhor a nossa cidade. Que Deus abençoe nossos governantes, pois nosso povo tem sofrido muito… Tá ai a minha humilde opinião. Abç Décio.

  • José Américo
    7 jan 2014 | Permalink |

    Décio mais uma vez parabéns, Guto a confiança em você é inacabável.
    Como acadêmico digo: A burocracia aplicada à Administração pode ser descrita como um sistema em que o papelório, as regras e os estatutos se avolumam e em alguns casos, gera gargalos e ineficiência à organização, ou ainda o apego a procedimentos e protocolos por parte dos funcionários. No entanto, é de fundamental importância compreender que, como citam certos autores, a burocracia é um mal necessário e que em níveis aceitáveis pode até gerar benefícios.
    A impessoalidade prima pelo zelo quanto ao agir da máquina administrativa no sentido de atender aos interesses da coletividade em detrimento das minorias, deve-se tratar cada um de acordo com suas necessidades e diferenças, sem excluir nem privilegiar quem quer que seja, atitude que gera transparência e confiabilidade. O formalismo busca padronizar os procedimentos da instituição pública é de todo necessário que haja etapas e regras a serem obedecidas para que o alcance do poder publico seja eficiente, padronizado e eficaz.
    A hierarquia funcional diz respeito à sucessão de cargos e funções na instituição, essa forma de organização é necessária para que haja delegação de autoridade e tarefas entre os envolvidos na gestão. Todos devem conhecer as atividades inerentes à sua função e a obrigação de mostrar resultados tangíveis.
    A carreira pública é uma grande responsabilidade da máquina administrativa. É essencial escolher as pessoas certas para ocupar os cargos certos, não se pode confiar o serviço público a pessoas sem o menor preparo, daí a importância da profissionalização do servidor, investir na capacitação e expansão de habilidades só gera um trabalho mais rápido, facilidade na tomada de decisões, conhecimentos de novas formas de se proceder e uma otimização dos resultados obtidos.

  • Luck
    7 jan 2014 | Permalink |

    Infelizmente não tenho uma visão boa e prospera para este ano, não tenho nada a falar do atual prefeito, porem as pessoas que o acompanham só estão pensando em si próprias e não na população, os apadrinhamentos continuam, cargos a pessoas que nada fizeram em sua campanha, pessoas exercendo cargos fantasmas, enfim acho que infelizmente está tudo igual ao governo anterior, só mudou as pessoas. Estou desolada e decepcionada.
    Abraços.

  • Walther Ferreira
    7 jan 2014 | Permalink |

    Sr. odilio ficou com o apelido de Véizin Ruim de Serviço. e é verdade. condeúna nada cresceu em 8 anos.
    Guto vai ficar com o apelido Moço Ruim de Palavra. muita fantasia e pouca ação.
    é pena q depois de dr. marcolino, nunca mais apareceu um homem de pulso na prefeitura. sr. lili, Sr. odilio e agora sr. guto. todos sem pulso. para dirigir precisa primeiro de pulso, pode ser pra dirigir um carro, uma bicicleta, um cavalo. tudo. é bacana ser simpático, bonzinho, coisa e tal. mais sem força no pulso, tudo fica desgovernado. é uma pena nosso municipio continua desgovernado. tomara q isso mude. é preciso como alguem falou aí em cima. mudar umas pessoas, se não não se toma pé da direção.

  • Jose Carlos Carvalho!
    7 jan 2014 | Permalink |

    Só uma ressalva, um ano se passou! Administrativamente faltam dois e meio, porque, meio sempre se perde nos processos de reeleição, isso, até então, sempre fez parte da cultura política de nosso País! Que tal tentar copiar Caculé, copia de coisa boa, vale a pena! E posso afirmar: Caculé é luxo! Se Luciano conseguiu, A gente também pode!

  • Cida
    7 jan 2014 | Permalink |

    ESTAMOS NO CAMINHO CERTO. PODE ATÉ TER atalhos, TODAVIA A DIREÇÃO TÁ CERTA. A GENTE CHEGA LÁ. COM FÉ E CORAGEM. Abraços Fabinho. Deus lhe abençoe e obrigado por ajudar a gente quando precisamos de ser atendidos no hospital em Conquista. Deus lhe pague por tudo e por sua competencia

  • Janice Novaes
    8 jan 2014 | Permalink |

    Guto você é muito competente, continuo acreditando que Condeúba está no caminho certo. Parabéns por esse ano que passou e que com certeza 2014 será bem melhor!

  • Janice Novaes
    8 jan 2014 | Permalink |

    PARABÉNS DÉCIO PELO BELÍSSIMO ARTIGO.

  • maria jose de jesus
    9 jan 2014 | Permalink |

    a maioria dos que estão achando que esta tudo bem é justamente os que estão de fato mamando e muito, senhor prefeito será que foi somente os apadrinhados que votaram em você, é justo quem nem estava aqui nas eleições está hoje dentro da prefeitura? que mudança que nada e não faça de conta que não está sabendo de nada…

  • Lice
    10 jan 2014 | Permalink |

    É triste saber que tudo não passou de promessas, muitos não entenderão o significado de “uma Condeúba melhor”, é uma pena, eu realmente acreditei que seria diferente. Poucas mudanças aconteceram e algumas infelizmente foram pra pior. Pra que tantos contratados sem necessidade, pra que tantos advogados e tantos funcionários dentro dessa prefeitura. As vezes muita gente só atrapalha, e é o que está acontecendo. Cuidado, o povo confiou em você, não traia a nossa confiança.
    Acorda José Augusto Condeúba depende de você.

  • ribeiro
    13 jan 2014 | Permalink |

    decio;;;sou seu fa cara ..e fui o primeiro a pedir vc em 2016 ..mais nao concordo com metade do q vc falow ai ….fui de ferias ai agora e voltei pra sao paulo dia 4 janeiro …ficou minha esposa e meu bebe de 2 anos ai …..dia 11 desse mes ele teve febre de 39 graus levou no hospital o medico de plantao estava dormindo e levou 30 minutos pra vim atender meu filho …isso porq comsuelo foi atras do medido …quando foi atender a crianca nao tinha o aparelho pra olhar o ouvido e muito menos uma laterna pra olhar a garganta dele ;…..chega dar nojo de lembrar disso e vc vem mim falar q o hospital ta no comando e em ordem pelo o amor de deus prof..mais a unica esperanca minha pra condeuba ainda e vc .

  • ribeiro
    13 jan 2014 | Permalink |

    detale….o medico lumiou a garganta do meu filho com o proprio celular dele ….afffff

Deixe um comentário

Adicione seu comentário abaixo . Você também pode assinar estes comentários via RSS.

Seu email não será divulgado. Os campos que estão * são obrigatórios.