Rede Universidade Professor oferta 105 mil vagas para formação de professores

sala-aula

Com o objetivo de reduzir o número de professores que lecionam em disciplinas para as quais não têm a formação adequada, o Ministério da Educação (MEC) lançou a Rede Universidade Professor, que irá ofertar 105 mil vagas para a formação de professores, em cursos presenciais ou a distância por meio do programa Universidade Aberta do Brasil (UAB). Na Bahia, a ação é conduzida pelo Instituto Anísio Teixeira (IAT), por meio do Fórum Estadual Permanente de Apoio Docente do Estado da Bahia (Forprof).

De acordo com o diretor-geral do Instituto Anísio Teixeira, Severiano Alves, a abertura das vagas é uma ação que visa atender às metas 15 e 16 do Plano Nacional de Educação, no que tange à formação de professores. “Nós estamos preocupados com a melhoria da qualidade do ensino e ela também se faz pela formação adequada dos professores da nossa rede. E por isso a importância da Rede Universidade do Professor que, também, irá beneficiar a Bahia e consequentemente os nossos educadores e estudantes”, afirmou.

Universidade do Professor – As vagas da Universidade do Professor serão disponibilizadas já a partir do segundo semestre deste ano, com a oferta de 105 mil vagas em cursos de 1ª licenciatura, na modalidade a distância, no âmbito do Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB); e, na modalidade presencial regular, em vagas residuais das instituições federais de ensino superior. Em 2017, além das vagas citadas, a oferta será complementada com vagas em cursos de 1ª Licenciatura, 2ª Licenciatura, com carga horária reduzida e Complementação Pedagógica do Parfor presencial e do Sistema UAB. Para participar, é preciso que o professor esteja cadastrado no Educacenso 2015 e acesse o site da Plataforma Freire. As inscrições podem ser feitas até 05 de maio.






AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Deixe um comentário

Adicione seu comentário abaixo . Você também pode assinar estes comentários via RSS.

Seu email não será divulgado. Os campos que estão * são obrigatórios.