PEC 241 vai ao Senado. Waldenor votou não

14691045_1211993235523700_1818976964597707379_n

A votação em segundo turno na Câmara dos Deputados aprovou, agora há pouco, a PEC 241, conhecida como PEC da Maldade. Com 359 votos favoráveis, 116 contra e 2 abstenções, a Proposta de Emenda à Constituição segue agora para votação no Senado Federal.

O deputado baiano Waldenor Pereira (PT) seguiu o seu posicionamento inicial e votou não novamente, como anunciou em suas redes sociais.

“Em favor do povo brasileiro, eu digo não à PEC da Maldade”, escreveu ele em sua fanpage no Facebook.

Mais cedo, o deputado já havia se manifestado contrário à proposta, aderindo à solicitação de entidades que pediam a retirada da PEC da pauta de votação.

A PEC 241 prevê o congelamento de investimentos em saúde e educação, o congelamento do salário mínimo, o fim do Piso Nacional de Salário de professores e agentes comunitários de saúde e endemias.

Fonte/Foto: ASCOM / Waldenor Pereira






AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Deixe um comentário

Adicione seu comentário abaixo . Você também pode assinar estes comentários via RSS.

Seu email não será divulgado. Os campos que estão * são obrigatórios.