Um prefeito dos sonhos

 

Dos sonhos da educação, pelo menos. Podem acreditar: ele existe! É prefeito de uma pequena cidade do sudoeste baiano, Licínio de Almeida, de 12 mil habitantes e está fazendo uma revolução com sua equipe, que o resto do país precisa urgentemente saber. Ou, no mínimo, o estado da Bahia. Esse que alguns leitores já estão pensando tratar-se de um ET, chama-se Alan Lacerda, do PV, e eu o conheci em carne, osso e sorriso. Seu feito: levou Licínio de Almeida ao primeiro lugar do IDEB baiano, com decisões simples e corajosas: nos seus primeiros quatro anos radicalizou o foco em educação, buscou parcerias e convênios com instituições com boa história na área, como o Instituto Ayrton Sena, estimulou seus professores de todas as formas e, para mostrar que não estava brincando, matriculou seus filhos na rede pública e determinou que seus secretários fizessem o mesmo. Quatro anos depois, reelegeu-se montado nesses resultados e, notícia das notícias: em Licínio de Almeida não existem mais escolas particulares, dada a excelência da rede pública fundamental!

Nas minhas palestras pelas jornadas pedagógicas, tenho destacado esse exemplo e quase todos os prefeitos presentes comunicam publicamente o propósito de se tornarem “alans lacerdas”, ou irem além dele. Andréa Oliveira, de Anagé, Guto de Condeúba, Márcio Ferraz, de Tremedal e em Utinga, Alberto Muniz chegou a dizer o seguinte aos 400 professores presentes:” vou começar pagando o piso a vocês; mas se em alguma outra cidade do porte de Utinga, algum prefeito estiver pagando mais, podem me comunicar, que eu pagarei mais ainda!”Que bela disputa, que belo desafio! Claro que deve haver mais prefeitos com ideais parecidos por essa Bahia de meu Deus, e eu gostaria de aplaudi-los um a um. É nas pequenas cidades que começa uma silenciosa revolução no ensino público. Alô mídia baiana, será que isso não é notícia? Alan Lacerda: “se todos fossem iguais a você…”

PS: Amanhã, dia 13, faz 40 anos que vim morar em Salvador. Adoro esta cidade.Mas de Santo Amaro mesmo, nunca saí.

Jorge Portugal- educador e poeta.

Artigo publicado no jornal A Tarde em 12 de Março de 2013

Citado por Blog do Anderson

Foto: Blog do Anderson






AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

UM Comentário

  • 16 mar 2013 | Permalink |

    bons exemplos precisam ser divulgados, parabéns ao prefeito de Licínio de Almeida pelo excelente pensamento voltado para a Educação, bom saber que essas coisas ainda existem…

    “O comentário não representa a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem”

Deixe um comentário

Adicione seu comentário abaixo . Você também pode assinar estes comentários via RSS.

Seu email não será divulgado. Os campos que estão * são obrigatórios.