Comoção no enterro das vítimas do acidente automobilístico em Condeúba

Por Décio Pereira

Foto: MV Fotografia

Foram enterrados na tarde desta terça-feira (19/03) os corpos de Bárbara, Belquior e Caio, vitimas do acidente automobilístico ocorrido ontem, na estrada que liga Condeúba a Piripá, na colisão entre um carro de passeio e uma caçamba.

O estado de comoção da comunidade, das famílias e dos amigos era visível nos semblantes da multidão que acompanhou o enterro e, que durante as últimas horas vivenciou essa tragédia. Por mais distante que seja o nível de relacionamento com as vitimas, ninguém conseguiu passar incólume ao acontecido, foram horas traumatizantes. Somos uma cidade pequena, onde todos se conhecem, se encontram na igreja, no supermercado, na pracinha; nossos filhos crescem com os filhos dos nossos amigos e acabamos por criar nossos filhos e ajudar na criação dos filhos dos nossos amigos e assim, formamos indiretamente, uma grande família. Nessa hora de dor extrema, ninguém escapa do sofrimento.

A tragédia veio de maneira fulminante, com contornos de uma dramaticidade jamais vista em nossa cidade. Uma família inteira, Pai, Mãe e Filho que se foram de uma só vez, soma-se a isso a jovem idade da família. A insuportável dor não tem dimensão.

Vamos viver muitas vidas e não encontraremos, na visão humana, a explicação lógica para tal fato. Os pais deveriam enterrar os filhos, as pessoas com mais idades deveriam ir primeiro, como tantos familiares dariam suas vidas para trocarem de lugar. Mas, os planos de Deus não são os nossos.

O Padre Juliano tentou traduzir essa dor quando falou sobre a separação entre entes queridos, sobre a despedida entre os que se amam.

Agora, a comunidade e os amigos se voltam para as orações, para que Deus  com sua infinita bondade tenha misericórdia e dê o conforto Divino à parte da família que ficou.

Deixamos em nome do ddez.com o texto bíblico, retirado do Livro de Êxodo 6, 24 a 26:

“O Senhor abençoe e guarde essa família;

O Senhor faça resplandecer o rosto sobre toda família e tenha misericórdia de todos.

“O Senhor sobre toda família levante o Seu rosto e dê a todos a paz, a paz divina.”






AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

2 Comentários

  • 20 mar 2013 | Permalink |

    Sofrimento sem fim. Q Deus conforte a todos. Já passei por situação, não igual, mais um parecida. Nunca sara a dor.
    “O comentário não representa a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem”

  • 20 mar 2013 | Permalink |

    É hora de fazermos nossa parte com orações e visitas à famiia. Quando coisas ruins acontecem com pessoaos boas a gente não entende. Deus proverá o conforto.
    “O comentário não representa a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem”

Deixe um comentário

Adicione seu comentário abaixo . Você também pode assinar estes comentários via RSS.

Seu email não será divulgado. Os campos que estão * são obrigatórios.